Tietê e Maitaca: realizado o sonho da casa própria para 520 famílias mogianas

 

DE MOGI DAS CRUZES – Na manhã deste domingo (24/11), foi feita a entrega de 520 unidades habitacionais do programa Minha Casa Minha Vida. Os apartamentos pertencem aos empreendimentos Tietê e Maitaca, numa parceria da Prefeitura de Mogi das Cruzes e governos federal e estadual. Esses são os últimos a serem entregues do complexo de moradias populares construído às margens da Avenida Kaoru Hiramatsu, no distrito de Braz Cubas.

Além do prefeito Marcus Melo e de boa parte de sua equipe de secretários, a cerimônia também contou com a presença do secretário nacional de Habitação, Celso Matsuda, do superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Edvaldo Contin, do secretário estadual de Habitação, Flavio Amary e dos deputados que representam Mogi das Cruzes na Assembleia Legislativa e no Congresso Nacional, Marcos Damásio e Marco Bertaiolli.

Em seu discurso, o prefeito falou sobre o longo caminho percorrido até a entrega das unidades e ressaltou a importância da parceria entre os governos municipal, estadual e federal, nessa empreitada. “Chegar até aqui não foi tarefa fácil. Isso é fruto do trabalho de muitas pessoas, que merecem ser reverenciadas. Na Prefeitura, temos grandes desafios diários, mas poder mudar a vida das pessoas é a nossa maior recompensa”, pontuou, acrescentando que a tarefa da Administração Municipal ainda não terminou, pois o município segue pleiteando a construção de novas unidades habitacionais na cidade.

“Vamos continuar cobrando os governos estadual e federal para que a cidade volte a ter a construção de moradias, pois ainda temos muitos mogianos na fila, esperando atendimento”, complementou, deixando ainda um alerta às famílias, para o fato de que elas não podem vender as unidades habitacionais. “Não façam isso, pois casos assim são denunciados à Caixa Econômica Federal e a Caixa retoma as unidades. Ou seja, quem vendeu perde e quem comprou perde também”, pontuou, deixando votos de felicidade às famílias que iniciaram essa nova etapa em suas vidas.

O secretário nacional de Habitação, Celso Matsuda, parabenizou a Prefeitura e as famílias pela conquista e destacou a importância da união entre todas as esferas governamentais. “Essa parceria foi fundamental para que toda essa estrutura fosse entregue a vocês”, destacou, referindo-se não só às unidades habitacionais, como também a toda a estrutura implantada pela Prefeitura na região, como rede de esgoto, recuperação e duplicação da Avenida Kaoru Hiramatsu, duas creches, um CEMPRE (Centros Municipais de Programas Educacionais) e a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Oropó.

Já o secretário estadual de Habitação, Flavio Amary, deixou a todos um abraço do governador João Doria e falou às famílias sobre a importância de elas cuidarem bem de suas novas casas. “Isso aqui foi construído com muito carinho e a muita mãos, mas para que se torne efetivamente um lar vai depender de cada um de vocês. Hoje está bonito, limpo e bem cuidado, mas daqui a alguns dias isso passará a ser responsabilidade de vocês. Conheçam e respeitem as pessoas que estão ao seu lado, para que aqui seja criada uma comunidade de paz, harmonia e felicidade”.

Ainda durante a cerimônia, foram feitas as entregas das primeiras chaves às famílias contempladas e também o descerramento da placa, simbolizando a entrega oficial dos dois condomínios.

Maria José Ferreira, a primeira a receber a chave da casa própria, falou em nome das demais famílias. “É um momento muito especial e de muita emoção. Temos que agradecer a Deus e ao prefeito por realizar o nosso sonho da casa própria”.

Com mais esses dois empreendimentos, Mogi das Cruzes chegou à marca dos 5.240 apartamentos entregues do programa Minha Casa Minha Vida, o que corresponde a cerca de 22 mil pessoas beneficiadas. Assim, o programa mogiano se consolida como um dos maiores da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP).

O Minha Casa Minha Vida também foi responsável, ao longo dos últimos anos, pela diminuição do déficit habitacional de Mogi das Cruzes e pela erradicação das maiores ocupações em áreas de risco da cidade, com a oferta de solução habitacional para os antigos moradores desses locais.

No Tietê e Maitaca, esse trabalho teve continuidade. Das 520 famílias beneficiadas, 295 pertencem à demanda geral e 173 são moradores de áreas de risco ou ocupações irregulares, que agora passarão a ter segurança física e jurídica. Ainda do total de atendidos, foram 26 idosos e 26 pessoas com deficiência.

Só às margens da Avenida Kaoru Hiramatasu, foram edificadas 1.240 unidades habitacionais do programa Minha Casa Minha Vida, com aporte do Governo do Estado.

A cerimônia de entrega dos empreendimentos Tietê e Maitaca também contou com a presença da presidente do Fundo Social de Mogi das Cruzes, Karin Melo, do vice-prefeito, Juliano Abe e do presidente da Câmara Municipal de Mogi das Cruzes, Sadao Sakai.

O prefeito Marcus Melo, ao lado dos secretários nacional e estadual de Habitação, Celso Matsuda e Flavio Amary, entrou as chaves da casa própria às famílias contempladas 

Fotos: Ney Sarmento / PMMC