Templos religiosos de Mogi podem receber mais fiéis, até 60% da capacidade

Reunião virtual, nesta quinta, 15, definiu até 60% da capacidade do local, a partir desta sexta-feira, dia 16. Decreto municipal foi publicado

 

DE MOGI DAS CRUZES – A partir desta sexta-feira (16/10), os templos religiosos instalados em Mogi das Cruzes terão receber público até 60% da capacidade. Uma reunião virtual do Comitê Gestor de Retomada Gradativa de Atividades Econômicas e religiosos, foi realizada na noite desta quinta-feira (15/10). Essa capacidade se iguala a autorizada há cinco dias aos estabelecimentos comerciais e de serviços da cidade. Participaram da reunião mais de 50 instituições religiosas da cidade.

Na mesma data, após a reunião, a Prefeitura de Mogi divulgou um decreto municipal com as novas determinações aos templos de todas as religiões. O avanço da cidade – e de todo o Alto Tietê – da Fase 3-Amarela para a Fase 4 – Verde do Plano São Paulo, ocorrida desde o sábado passado (10/10), levou a municipalidade a adequar também a situação das igrejas e templos religiosos.

Além do aumento de fieis, em 60% da capacidade do local, também é necessário que sejam observada o distanciamento de 1,5 m entre cada frequentador, além do cumprimento de todos os protocolos sanitários, como o uso obrigatório de máscaras e a disponibilidade de álcool gel aos fieis. Ou seja, todos devem seguir integralmente o protocolo sanitário do segmento, que foi atualizado e está disponível na página de Flexibilização no site da Prefeitura de Mogi das Cruzes.

 

Comitê

As adequações das atividades em Mogi são decididas pelo Comitê Gestor de Retomada Gradativa de Atividades Econômicas, criado pela Prefeitura de Mogi das Cruzes. O grupo tem se reunido com os mais diferentes segmentos para dialogar com empresários e instituições para que a retomada seja feita de forma segura e construída de forma compartilhada com todos os setores.
Mais informações sobre o Comitê Gestor são pelo telefone 4798-5171 e pelo e-mail desenvolvimento@pmmc.com.br 
_______________
Fotos: Ney Sarmento / Divulgação