Pelo forro, ladrões furtam mais de R$ 90 mil em cofre de lotérica

Crime ocorreu dia 10 de outubro e imagens de um dos ladrões em ação foram divulgadas nos últimos dias

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Ladrões entraram em uma lotérica em Suzano, cidade do Alto Tietê – na sub-região leste da Grande São Paulo, pelo forro do estabelecimento, que fica dentro de um supermercado. Com acesso à sala onde ficam os cofres, eles levaram mais de R$ 90 mil.

O furto ocorreu no dia 10 de outubro, uma terça-feira, e as imagens só foram divulgadas agora. Câmeras de monitoramento mostram o rosto de um deles (reprodução acima), que entrou na sala do cofre com um pé de cabra nas mãos e se movimentando no local com muita facilidade, mesmo estando tudo escuro.

Segundo o proprietário da lotérica, eles devem ter ficado no local por pelo menos três horas. Pelas imagens do monitoramento interno é possível ver que às 21h45 um dos ladrões abriu a porta de correr da sala do cofre, entrou no local e logo que viu a câmera foi em direção a ela para tapa-la e evitar que registrasse o momento em que o cofre foi aberto. Pelos seus movimentos, ele já sabia onde estava a câmera, para neutralizá-la com rapidez. O último funcionário havia saído da lotérica por volta das 19h – mais de duas horas e meia antes da ação dos criminosos.

Para chegar até a parte interna da casa lotérica, os bandidos abriram um buraco no teto de gesso (foto abaixo). Segundo a polícia, pelo menos três criminosos participaram do furto e com as imagens de um dele, aumentam as possibilidades de se identificar o trio.

Para o proprietário da lotérica, o furto deve ter sido muito bem planejado, pois o furo no teto foi preciso e tudo bem cronometrado “Foi uma precisão cirúrgica. Foi tudo muito bem planejado e pra fazer isso é preciso conhecer bem o local”, disse, lamentando pelo dinheiro que foi levado, principalmente nesses tempos de pandemia, quando o lucro está muito baixo.

Pelo que tudo indica, acima do forro de gesso o local é aberto e compartilhado com todos os outros departamentos do supermercado. Inclusive, nas imagens de vídeo pode-se ver a canalização do sistema de ar refrigerado do local e as armações de metal e os cabos que sustentam o forro de gesso, que esconde todos esses equipamentos.

No dia seguinte, uma quarta-feira, uma funcionária, ao abrir a lotérica tomou um susto ao ver dinheiro espalhado e logo deduziu o que havia acontecido. Imediatamente ela ligou para o proprietário e para a Polícia Militar.

A polícia pede para quem reconhecer o ladrão que aparece nas imagens que ligue para o 181, do Disque Denúncia, ou mesmo para o 190, da Polícia Militar.

 

 

 

Fotos: Reprodução imagens câmera interna de monitoramento