Projeto Anjos da Guarda orienta sobre segurança a alunos da rede municipal

 

DE MOGI DAS CRUZES – A Prefeitura de Mogi das Cruzes iniciou nesta segunda-feira (20/05) as atividades do projeto Anjos da Guarda, uma parceria entre as Secretarias Municipais de Educação e de Segurança e a Guarda Municipal. A iniciativa trabalha com alunos do quarto do Ensino Fundamental temas como a prevenção às drogas, o comportamento seguro para as crianças, bullying, entre outros.

O projeto está sendo iniciado em seis escolas da rede municipal de ensino, atendendo 900 alunos. As atividades com os estudantes compreendem palestras e trabalho com uma cartilha desenvolvida especialmente para o projeto.

“O projeto Anjos da Guarda é uma ação preventiva para orientar e preparar as crianças e jovens. O trabalho com as turmas de quarto ano do Ensino Fundamental foi definido para preparar os alunos, que estão entrando na fase da adolescência, em que eles começam a descobrir o mundo e estão mais expostos aos riscos da violência”, destacou o prefeito Marcus Melo.

As primeiras seis escolas a serem trabalhadas pelo projeto Anjos da Guarda ficam no distrito de Jundiapeba. Começam a ser atendidas nesta semana o Cempre Oswaldo Regino Ornellas, o Cempre Professora Lourdes Lopes Romeiro Iannuzzi, a escola municipal Doutor Álvaro de Campos Carneiro, a escola municipal Vereadora Astréa Barral Nébias, a escola municipal Professor Mário Portes e a escola municipal Doutor Benedito Laporte Vieira da Motta.

O projeto foi desenvolvido por uma equipe multidisciplinar e as atividades são ministradas pela Guarda Municipal, de acordo com uma programação semanal de atividades. No primeiro dia de atividades, o trabalho aconteceu na Escola Doutor Álvaro de Campos Carneiro. Já nesta terça-feira (21/05), as atividades acontecem na escola municipal Vereadora Astréa Barral Nébias e, novamente, na escola Doutor Álvaro.

Os guardas municipais encarregados do trabalho passaram por treinamento e capacitação para trabalhar o tema com os alunos. A intenção da Prefeitura é que a iniciativa seja ampliada para outras unidades da rede municipal de ensino de Mogi das Cruzes.

O prefeito lembrou ainda que a integração entre as unidades de ensino e Guarda Municipal já acontece com a Ronda Escolar, criada em 2017. O grupamento atende as escolas municipais da cidade, atuando na segurança de estudantes e professores, na mediação de conflitos, apoio a docentes e auxílio nas travessias.

As equipes já realizaram flagrantes de tráfico e uso de entorpecentes e lesão corporal, além de evitar casos de desinteligência e prevenir outros tipos de delitos nas proximidades das unidades escolares.

Foto: Guilherme Berti / PMMC