Prefeito participa de adesão do Estado ao Programa City Possible

Mogi e os outros 644 municípios paulistas aderem ao programa

 

DE MOGI DAS CRUZES – O City Possible é o programa que passou a contar com a adesão de Mogi das Cruzes e dos outros 644 municípIos paulistas, a partir da inserção do Estado de São Paulo na iniciativa desenvolvida pela Mastercard para compartilhar experiências sobre como as cidades podem se tornar mais inclusivas, sustentáveis e eficientes. O prefeito Marcus Melo participou da cerimônia virtual de adesão, no final da tarde desta quinta-feira (30/07).

“Desde o início da gestão, dirigimos esforços para estimular, reforçar e multiplicar iniciativas inovadoras, capazes de facilitar o acesso a serviços públicos e melhorar ações cotidianas. Explorar tanto quanto possível as ferramentas tecnológicas, a serviço das pessoas, é um dos desafios diários da Prefeitura de Mogi das Cruzes, que se esforça para oferecer mais transparência e elevar a qualidade de vida para os mogianos”, pontuou o prefeito, após a solenidade comandada pelo governador João Doria.

O programa City Possible estabelece um novo modelo de engajamento entre os setores público e privado, com o apoio de renomadas organizações acadêmicas, como a Universidade de Harvard. “É uma adesão inédita. Temos mais de 160 cidades no mundo que participam do programa, mas é a primeira vez que um Estado inteiro adere à iniciativa”, comemorou o presidente da Mastercard Brasil e Cone Sul, João Pedro Paro Neto.

A busca de um futuro mais inclusivo, sustentável e eficiente está alicerçada na troca de boas práticas  entre cidades para viabilizar soluções capazes de elevar a eficiência da gestão pública e melhorar a qualidade de vida das pessoas. “O conceito é o de que uma ajuda a outra e de  que cada município avance de onde o outro parou, sem reinventar a roda”, resumiu Paro Neto, ao apontar que o programa disponibilizará às prefeituras paulistas todas as informações da rede colaborativa, como o acesso ao conteúdo de pesquisas acadêmicas.

Londres, Los Angeles, Dubai e outras metrópoles mundiais fazem parte do programa que, segundo o secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, reforça as ações deflagradas no ano passado, quando o Estado passou a participar do Smart City, maior fórum de cidades inteligentes do mundo, assumindo sua condição de “municipalista aberto para o mundo”.

Doria ressaltou que a parceria chega em boa hora para multiplicar estímulos à economia, duramente castigada pela pandemia do novo coronavírus. “Estamos trabalhando duro pela retomada e geração de empregos, com a efetiva recuperação a partir de 2021”, assinalou, lembrando o potencial econômico e demográfico do Estado que detém o maior PIB do Brasil e foi o que mais gerou vagas de trabalho no País em 2019.

Com ampla rede global, tecnologias inovadoras e insights de mercado, a Mastercard pode ajudar governos locais a desenvolver cidades mais conectadas, preparadas para responder com efetividade e rapidez as diferentes demandas dos moradores. “É uma parceria que fortalece nossa política de gestão, ampliando em Mogi o cultivo das iniciativas de cidades inteligentes”, completou Marcus Melo. Ele esteve ao lado de outros 120 prefeitos paulistas que participaram da cerimônia.

No ano passado, o Polo Digital e a Sala do Empreendedor de Mogi das Cruzes foram premiados pelo Instituto Smart City Business America, com destaque para a transformação de tecnologia e inovação em estímulo ao empreendedorismo, capacitação profissional e geração de empregos e riqueza. São exemplos do conjunto de ações que renderam a Mogi posições de destaque em dois setores do ranking Connected Smart Cities 2019, realizado pela Urban Systems após análise de todos os municípios do Brasil com mais de 50 mil habitantes. A Cidade despontou entre as 100 melhores nos eixos de Tecnologia e Inovação (65ª) e Economia (70ª).