Polícia de Mogi prende seis por golpes em agências de turismo

Operação “Obstinatus” da Polícia Civil mogiana efetuou as prisões na madrugada desta sexta-feira, dia 7

 

DE MOGI DAS CRUZES – Policiais civis de Mogi das Cruzes elaboraram uma operação que culminou com a desarticulação de uma quadrilha estelionatária que aplicava golpes em agências de turismo e empresas do ramo de piscinas.

A ação, denominada “Obstinatus”, foi a campo na madrugada desta sexta-feira (07), quando foram cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão. Ao todo, seis integrantes da associação criminosa foram presos. Além disso, foram apreendidos documentos e objetos que corroboram os indícios apurados pela investigação.

Diversos bairros da cidade de São Paulo e uma localidade no município de Itanhaém foram alvo dos mandados.

De acordo com a Polícia Civil, os estelionatários utilizavam documentos falsos para adquirir – de maneira fraudulenta – pacotes de viagens e piscinas. Até o momento, estima-se que os prejuízos causados pelas ações criminosas girem em torno de R$ 590 mil.

A polícia já tem conhecimento de 20 crimes praticados pelo grupo. As investigações continuam com o intuito de apurar outros eventuais golpes cometidos, além de localizar o sétimo integrante da quadrilha, que continua foragido.