PM encurrala ladrão de caminhão na Francisco Rodrigues Filho, usa carreta de eucaliptos para fechar pista e trãnsito fica um caos

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Uma manhã de caos nesta terça-feira (02/07) na Avenida Francisco Rodrigues Filho – trecho entre as rotatória de Cezar de Souza e Kazuo Kimura – no Nova Mogilar, em frente ao Habib´s. Tudo por conta da perseguição policial a um suspeito de roubar um caminhão-tanque na cidade de Bom Jesus dos Perdões – que só terminou em Mogi das Cruzes – a 100 quilômetros do local do roubo – quando a polícia utilizou um caminhão com carga de eucaliptos para fechar a via.

Na ação, dezenas de viaturas e até um dos helicópteros Águia foram empregados (veja vídeos mais abaixo) e um grande trecho da avenida ficou completamente bloqueado ao tráfego de veículos.

AÇÃO CONJUNTA DA POLÍCIA MILITAR IMPEDE UM DESASTRE! Acompanhe mais um vídeo do caminhão que foi roubado na data de hoje (2). Não obedeceu a ordem da PM e fugiu colocando muitas vidas em perigo. A perseguição começou no km 60 da Rodovia Dom Pedro.Mais de 20 viaturas participaram da ação que passou por Nazaré Paulista, Igaratá, Jacareí, Guararema e terminou em Mogi das Cruzes. Uma equipe usou um caminhão carregado com eucalipto para bloquear a Avenida Francisco Rodrigues Filho e forçar a parada do motorista do caminhão roubado. Houve apoio do Águia. #POLICIAMILITARSP#AFORÇAPÚBLICADESÃOPAULOCOMUNICAÇÃO SOCIAL CPA/M-12

Publicado por Comando de Policiamento de Área Metropolitana Doze PMESP em Terça-feira, 2 de julho de 2019

Por volta de 8 horas, PMs do 34º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) foram informados pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) sobre o crime, ocorrido na rodovia Dom Pedro – que liga Campinas ao Vale do Paraíba.

Segundo as informações, quatro criminosos abordaram o caminhão-tanque. Um deles assumiu a condução do veículo e a vítima foi colocada em um carro Ford/Fiesta com outros três suspeitos, dois deles armados, responsáveis pela escolta do automóvel roubado.

Imediatamente, as equipes iniciaram as buscas pelo caminhão-tanque, que foi localizado posteriormente no km 35 da rodovia, próximo à cidade de Igaratá. Os policiais deram sinal de parada, mas o criminoso não obedeceu e continuou com a fuga.

Começou aí a perseguição, que passou ainda por quatro cidades – Nazaré Paulista, Igaratá, Jacareí e Guararema – antes de terminar em uma das mais movimentadas avenidas de Mogi das Cruzes. Para isso, uma equipe da PM usou uma carreta carregada de eucaliptos para fechar a pista sentido César de Souza-Mogilar e impedir que o ladrão continuasse em fuga e chegasse a outros bairros mogianos, onde uma perseguição poderia ser mais perigosa. Ao se ver cercado, ele desceu do caminhão e se entregou.

O destino do veículo roubado, segundo a PM, seria Jacareí, mas durante a perseguição vieram para Mogi. Em vários momento, o condutor do caminhão roubado invadiu a contramão e foi para cima de outros veículos no sentido oposto, como pode ser visto nas imagens acima. Por sorte, nenhum veículo que vinha na direção contrária foi atingido.

Além do caminhão, a quadrilha havia roubado ainda um rádio transmissor, dois aparelhos celular, uma maleta com bloqueador, quatro crachás de empresas diferentes, documentos diversos e a quantia de R$ 545,00l

Kemel Silveira Saad, de 59 anos- que confessou o crime – foi preso e levado para o 3º Distrito Policial de Mogi das Cruzes, no Distrito de César de Souza, onde foi apresentado. Foi solicitada a prisão preventiva do criminoso e as investigações prosseguem para localizar os outros envolvidos. De acordo com a Polícia Civil, ele é um ex-presidiário e cumpriu quatro anos e dois meses por tráfico de drogas. Na delegacia, ele contou que receberia R$ 2 mil para deixar o caminhão em Jacareí, mas a ação da PM impediu isso. Ele disse ainda que integra uma quadrilha com outros seis comparsas.

A vítima – o motorista Carlos Alessandro Crema, o Magrão, de 38 anos – foi localizada no município de Atibaia. Ele ficou como refém dentro do Ford Fiesta durante parte a ação da quadrilha, mas acabou liberado.

Segundo a PM, mais de 20 viaturas participaram da perseguição, além do helicóptero Águia da corporação.

Foto: Polícia Militar / Divulgação