Operação ‘Polícia Civil Por Elas’ prende oito no Alto Tietê: quatro em Mogi, 3 em Suzano e um em Ferraz

São 76 mandados de prisão, busca e apreensão de autores de violência contra a mulher. 23 foram presos e 53 não foram encontrados

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Desde as primeiras horas dest quarta-feira 15/05), está sendo deflagrada em todo o Estado de São Paulo a Operação “Polícia Civil Por Elas” , com o objetivo de cumprir mandados de prisão e busca e apreensão contra autores de crimes que envolvem violência contra a mulher.

O trabalho é coordenado pela Unidade De Inteligência Policial (UIP) do Departamento de Polícia Judiciária da Macro São Paulo (Demacro). Ao todo, estão sendo cumpridos 76 mandados de prisão e sete de busca e apreensão, com 131 policiais empenhados na ação, além de 59 viaturas.

Os mandados estão sendo cumpridos nos municípios de Carapicuíba, Diadema, Franco da Rocha, Guarulhos, Mogi das Cruzes, Suzano, Ferraz de Vasconcelos, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo e Taboão da Serra.

Dos 76 mandados de prisão, 23 foram cumpridos – o que significa que 53  pessoas não foram encontradas. Por regiões, três prisões foram em Carapicuíba, três em Franco da Rocha, uma em Guarulhos, uma em Osasco, duas em Santo André, duas em São Bernardo do Campo e mais uma em Taboão da Serra.

Somente no Alto Tietê – região que ocupa a porção leste da Grande São Paulo, foram efetuadas oito prisões – quatro em Mogi das Cruzes, três em Suzano e uma em Ferraz de Vasconcelos.

Ao todo, foram detidos 20 homens e uma mulher.