Ônibus de escola de rugby capota na Rio-Santos. Menina de 13 anos morre

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Layz Prado Luz, de 13 anos, morreu e outras 12 pessoas ficarão – duas em estado gravíssimo – após um ônibus capotar por volta das 7h20 deste sábado (30/11) na altura do km 167 da Rodovia Rodovia Manoel Hipólito do Rego, a Rio-Santos (SP-055), no trecho Boicucanga / São Sebastião, em Boiçucanga, São Sebastião.

O ônibus, com a pintura da viação Grandino levava 46 pessoas: três técnicos responsáveis, duas crianças, e 41 jogadores, adolescentes entre 13 e 20 anos, que iam para um jogo de rugby em Ilhabela. O motorista, que sobreviveu, será ouvido pela polícia civil. A Grandino, no entanto, informou que o veículo foi vendido em 2015 para a RTK Transportes.

Dos 42 jovens, 29 não sofreram ferimentos físicos, porém foram encaminhadas ao Posto de Assistência Social. O corpo da menina, a única vítima fatal até o momento do tombamento, foi levado  para o Instituto Médico Legal (IML) de São Sebastião.

Por volta das 13 horas, dois atletas passaram por cirurgia ortopédica no Hospital de Clínicas de São Sebastião. Outros dois feridos ainda precisavam de avaliação para serem operados. Um quinto ferido, que precisou ser removido do local do acidente por um dos helicópteros Águia, da Polícia Militar, estava passando, no início da tarde, por cirurgia no Hospital da Vila Industrial, em São José dos Campos, no Vale do Paraíba.

Os adolescentes são da Escolinha de Rugby Athenas Itanhaém, na Baixada Santista, Litoral Sul paulista, e iriam disputar um campeonato da modalidade no Litoral Norte.

Em nota, a Prefeitura de São Sebastião, onde ocorreu o acidente, informou que os feridos em estado grave foram levados para o Hospital de São Sebastião. Já os demais, encaminhados para o Pronto-Socorro Regional de Boiçucanga.

Marco Aurélio Gomes, prefeito de Intanhaém, na manhã deste sábado, pelo Facebook, lamentou o acidente. “Itanhaém amanheceu triste com a notícia do grave acidente que envolveu o ônibus que transportava jovens atletas da cidade para disputar torneio de rugby, em Ilhabela”.

De acordo com os Bombeiros, uma médica do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) atentou a morte da estudante, que ficou presa nas ferragens.

Por não conseguir abrir a porta de emergência, muitos dos sobreviventes saíram pelas janelas quebradas do ônibus. Outros desmaiaram e tiveram que ser retirados.

Os adolescentes da Escolinha de Rugby Athenas Itanhaém disputariam um torneio em Ilhabela, previsto para começar as 9h deste sábado. A reportagem do CORREIO INDEPENDENTE não conseguiu contato com um porta-voz da escola para explicar as circunstâncias do ocorrido.

Segundo a polícia, será feita perícia para investigar as causas do acidente. Para  os Bombeiros, tudo leva a crer que o ônibus perdeu o freio na descida da serra, o veículo tombou e deslizou, batendo na mureta de concreto, de contenção da pista. A Rio-Santos ficou totalmente interditada durante três horas.

De acordo com a Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo), o ônibus acidentado não tinha autorização para esse tipo de viagem.

Parte do time 'Athenas Rugby'.
Parte do time de rubgy da escolinha de Itanhaém, na Baixada Santista, que participaria do torneio em Ilhabela. Foto: Fabebook

Fotos: Corpo de Bombeiros/Divulgação