“Maníaco do Facão” é preso após ataque a mulheres em Brás Cubas

Homem, de 26 anos, foi identificado e preso pelo Garra e PM, após tentar ataque, por 3 vezes, a uma mulher na última segunda-feira, 11

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE * – A polícia prendeu, no início da tarde desta quarta-feira (13/02), o chamado “Maníaco do Facão, que tentou esfaquear pelo menos duas mulheres na última segunda-feira (11/02), em uma rua do Parque Olímpico, bairro que fica no Distrito de Brás Cubas, em Mogi das Cruzes.

Ele é Fernando Henrique Costa Rocha, de 32 anos (as vítimas estimavam 27), e foi preso na conhecida Favela da Banana, na Vila Cecília, também em Brás Cubas. Ao ser reconhecido, ele foi apanhado por populares e por pouco não foi linchado. A reportagem do CORREIO INDEPENDENTE apurou que as marcas no rosto do agressor foram feitas quando a população do bairro, revoltada, o capturou e jogou ele no chão, até que a polícia chegasse para efetuar a prisão.

Nesta segunda-feira, o delegado do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assalto (Garra) já havia identificado e localizado o maníaco, e fez a prisão – simultaneamente com a chegada da Polícia Militar.

Ele foi levado para o 2º Distrito Policial Dr. Oswaldo Moreira Motta, que fica na Avenida Henrique Peres, em Brás Cubas. O delegado Jorge Esteves disse que o suspeito confessou o crime. Para os policiais militares, ainda dentro da viatura, ele disse que tentou pegar a bolsa da mulher, e que não havia facão, e sim um pedaço de madeira afiado que ele usou para ameaçá-la e fazê-la ceder ao seu intento.

Os policiais militares mostraram a imagem do vídeo em que ele tenta agredir a mulher e ele reconheceu ser ele mesmo. Confuso, disse que o fato teria ocorrido ontem – terça-feira, 12, mas na verdade foi na segunda-feira (11/02).

Ele disse, também, que só fez esse ataque frustado e que depois “saiu fora”. Na tarde desta quarta-feira, na Delegacia, a mulher de 44 anos, vítima do maníaco, reconheceu Fernando como o homem que a atacou.

 

O ataque na segunda-feira, 11

Por volta das 7h05 da última segunda-feira (11/02), ele tentou esfaquear uma mulher de 44 anos, que esperava o ônibus da empresa para ir ao trabalho. Ela conseguiu se desvencilhar, por três vezes, do ataque do homem, que escondia um facão enferrujado e mostrou durante a tentativa de ataques.  O ataque contra ela ocorreu na Rua Onofrico Derêncio, altura do número 538, no Parque Olímpico, Vila Brasileira.

O que salvou essa mulher foi a chegada do ônibus fretado pela empresa onde trabalha. Ela rapidamente ingressou no interior do veiculo e, lá dentro, viu uma outra mulher gritando por socorro e o mesmo criminoso correndo em direção a ela. Para a Polícia Civil, ela disse que não soube o que aconteceu depois. Essa outra mulher até o momento não prestou queixa.

Vídeo ajudou a identificação

Como o vídeo divulgado em reportagem do CORREIO INDEPENDENTE, e que também foi exibido pelo SBT na manhã desta quarta-feira, a família do agressor identificou que Fernando era o homem que tentou agredir a mulher com o facão. Eles e a população do local avisaram os policiais que prenderam o agressor.

Pela identificação feita pela vítima à polícia o agressor tinha tatuagens nos braços e pernas, o que é confirmado na foto abaixo.

A prisão preventiva do acusado foi feita á Justiça, mas ainda não foi concedida.

 

 

*Colaborou Hélio Torchi – Fotos e vídeo

 

RELEMBRE REPORTAGEM PUBLICADA PELO CORREIO INDEPENDENTE SOBRE O ATAQUE DO MANÍACO DO FACÃO