Maior traficante de drogas da Bahia, Jasiane Teixeira, a “Dona Maria” presa em Biritiba Mirim, chega em Salvador algemada

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Chegou na tarde desta sexta-feira (27/09) à Base Aérea de Salvador, na Bahia – algemadas pelas mãos e pés – Jasiane Silva Teixeira, 30 anos, a ‘Dona Maria’ ou “Tia’, a maior criminosa do estado baiano, presa na última quarta-feira (25/09) em Biritiba Mirim, no Alto Tietê (região de Mogi das Cruzes, que ocupa a porção leste da Grande São Paulo).

Ela foi escoltada por equipes do Grupamento Aéreo da PM e dos departamentos de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e de Polícia do Interior (Depin). A criminosa é responsável diretamente por dezenas de homicídios, roubos, tráfico de drogas e armas, além de corrupção de menores

A maior traficante do estado, ocupante da carta ‘Dama de Copas’ do Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública, foi capturada por policiais baianos do Draco, Depin e inteligências da Polícia Civil e da SSP, em Biritiba Mirim, e depois levada para Mogi das Cruzes (leia reportagem sobre a prisão mais abaixo).

Dona Maria foi encontrada junto com o também traficante Márcio Faria dos Santos, o Carioca, braço financeiro da facção Primeiro Comando da Capital (PCC) no Leste Paulista.

Jasiane estava escondida em São Paulo há pelo menos quatro anos e há poucos meses tinha comparecido a um aniversário de uma prima em Porto Seguro, Sul do estado. Em São Paulo, segundo a polícia, ela estava escondida em um imóvel de luxo em Biritiba-Mirim.

“Estamos concluindo uma primeira etapa que consistia na captura da líder da organização criminosa. Nos próximos passos chegaremos aos comparsas já identificados”, garantiu o diretor do Draco, delegado Marcelo Sansão.

Fotos: Alberto Maraux SSP Bahia / Divulgação

 

RELEMBRE REPORTAGEM DA PRISÃO NA REGIÃO DE MOGI DAS CRUZES