Ladrões invadem casa na Vila Lavínia, em Mogi das Cruzes, e em busca de cofre ameaçam cortar os dedos dos reféns

Casa, na Vila Lavínia, foi invadida na noite desta segunda-feira, 19. Criminosos levaram carro, jóias, dinheiro e ainda não foram presos

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Uma família, que mora na Vila Lavínia, bairro de classe média de Mogi das Cruzes, ficou em poder de criminosos que invadiram a casa onde moram na noite desta segunda-feira (19/08) e antes de levarem dinheiro e pertences ameaçaram cortar o dedo das vítimas. O objetivo era descobrir a existência de um suposto cofre na residência.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, registrado no 2º Distrito Policial Dr. Oswaldo Moreira Motta, tudo aconteceu por volta das 20h, quando as vítimas – um homem de 43 anos e sua mãe de 64- chegava em casa, na Avenida Antonio Maria de Souza, na Vila Lavínia, onde residem ainda a esposa e o pai dele. Ao acionarem o portão, dois homens armados apareceram e anunciaram o assalto. Em seguida, outros dois comparsas apareceram.

O casal e os quatro criminosos foram para dentro da casa, e o objetivo dos ladrões era um suposto cofre existente na residência, negado pela vítima. Na insistência sobre a localização desse cofre, os bandidos ameaçaram cortar os dedos das mãos das vítimas caso eles não informassem o local.

Enquanto as vítimas estavam sob o poder de comparsas, os outros criminosos levaram o carro da família, um Toyota Corolla, um porta-moedas com R$ 1,5 mil, mais US$ 1 mil, além de 5 relógios de pulso, colares, brincos e braceletes. O valor dessas produtos não foi informado.

A casa não tem câmeras de vídeo monitoramento e a polícia agora busca imagens de imóveis da redondeza e outras informações na tentativa de identificar os criminosos.