Igreja Adventista de Mogi realiza passeata Quebrando Silêncio neste sábado, 24

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Na manhã deste sábado (24/08), a Igreja Adventista do Sétimo Dia de Mogi das Cruzes realiza a “4ª. Passeata Quebrando o Silencio”, projeto educativo e de prevenção contra o abuso e a violência doméstica. A concentração será no Largo Bom Jesus – mais conhecido como Praça São Benedito, no Shangai – às 10h45 e depois de percorrer ruas da área central, os participantes vão para o Largo do Rosário – também conhecido como Praça da Marisa, na confluência dos calçadões das ruas Paulo Frontin e Dr. Deodato Wertheimer.

A cada ano, um tema é escolhido para ser discutido e abordado, com o propósito de conscientizar a comunidade a denunciar os abusadores e ajudar as vítimas. O tema de 2019 é o abuso sexual infantil.

Segundo o relatório Out of the Shadows, publicado em janeiro pela revista britânica The Economist, o Brasil está no11º lugar no ranking de abuso e exploração sexual infantil, problema que afeta e preocupa praticamente o mundo todo. Ainda segundo o relatório, o abuso e exploração infantil tem sérias consequências emocionais e de saúde, por isso, é fundamental combater esse tipo de violência.

De acordo com Adriana Madeira, da Igreja Adventista da cidade, a campanha “Quebrando o Silêncio” acontece anualmente desde 2002 em oito países da América do Sul: Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai. “Através de materiais didáticos, fóruns, palestras e debates, o manifesto busca discutir temas relacionados aos abusos sexuais com intuito de prevenir e coibir e para que as pessoas que saibam de casos de estupro, denunciem às autoridades”, conta.

A campanha “Quebrando o Silêncio” se desenvolve durante todo o ano, mas uma das suas principais ações, a passeata, ocorre sempre no quarto sábado do mês de agosto, como agora, no dia 24. “Este é o dia de ênfase contra o abuso e a violência, quando são realizadas passeatas, fóruns, escola de pais, eventos de educação contra a violência e manifestações pela América do Sul”, descreve.

 

CLIQUE E OUÇA AUDIO SOBRE A CAMPANHA QUEBRANDO O SILÊNCIO

 

Veja vídeo com sinais de abuso sexual infantil

Foto: Divulgação