Em Arujá, raio cai e mata pai, filho e sobrinho que erguiam barracão

Raio atingiu casa de madeira e matou pai de 40 anos, filho de 9 e sobrinho de 12. Vídeo mostra incêndio

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Três pessoas da mesma família morreram na tarde desta quarta-feira (06/02), após um raio atingir a casa onde estavam no Parque Rodrigo Barreto, bairro densamente povoado em Arujá, uma das cidades do Alto Tietê – região que ocupa a faixa leste da Grande São Paulo.

O raio causou um princípio de incêndio no barracão de madeira. Testemunhas disseram ouvir o estrondo, e o fogo se alastrando pela casa.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a corporação foi chamada as 15h08, e às 17h, pelo Twitter, eles confirmaram que as equipes de quatro viaturas haviam controlado e debelado o fogo causado pelo raio, mas que havia três mortos no local.

As vítimas foram João Batista dos Santos, de 40 anos, seu filho João Pedro, de 9 e o sobrinho, Alan Santos, e 12 anos. O adulto, segundo informações de testemunhas, construía uma casa de madeira, e era ajudado pelos menores, quando o raio caiu e atingiu os três. João Batista no momento estaria arrumando o telhado do barracão, erguido na Rua Vinte e Três A para fugir do aluguel, num trabalho que já durava um mês. Ele escolheu o alto de uma colina, perto de uma árvore, porque, segundo populares, gostava da vista daquele local.

Segundo a meteorologia, na tarde desta quarta, caíram mais de 4,3 mil raios na Capital paulista e em cidades da Grande São Paulo.

O corpo dos três foi retirado do local no início da noite por um carro do serviço funerário.

Ainda não há confirmação oficial se os três morreram pelo fogo ou diretamente pelo efeito do raio.

Veja vídeo enviado ao CORREIO INDEPENDENTE por moradores de Arujá, que dizem ter visto o raio cair e flagraram o início do incêndio.

Foto: Reprodução / Record TV