CPTM e Metrô: estações fecham 1 hora mais cedo aos sábados

Diminuição no número de passageiros, por conta da quarentena que começou em 24 de março, é o motivo

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – A partir deste sábado (23/05), as estações da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e da Companhia do Metrô vão fechar uma hora mais cedo aos sábados. O motivo é a diminuição do número de passageiros por conta da quarentena por causa do novo Coronavírus – que começou em 24 de março e vai, pelo menos, até 31 de maio – totalizando até essa data 69 dias de quase tudo parado.

Na prática, em vez de fecharem à 1h da madrugada, as estações das duas empresas públicas do Estado de São Paulo fecharam á meia-noite.  O horário de início das operações permanece às 4h na CPTM e às 4h40 no Metrô paulistano.

A medida não afeta os ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU).

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos também ressaltou que “A antecipação em uma hora no fechamento das estações dará mais tempo também para as equipes trabalharem nas obras de modernização, melhorias e manutenção do sistema durante a madrugada”, informou a Secretaria dos Transportes Metropolitanos.

As empresas, no entanto, nada falaram sobre a possibilidade de a quarentena ser aliviada a partir do dia 1 de junho, mas essa redução no horário de funcionamento deverá ser provisória e à medida que haja condições e demanda, as duas companhias deverão voltar ao formato antigo aos sábados e domingos.

Foto: Arquivo