Conselho Estadual de Educação aprova novo currículo do Ensino Médio dentro da Base Nacional Comum Curricular (BNCC)

São Paulo é o primeiro estado do país a definir normas para o ensino médio com base no BNCC; implementação está prevista para o ano que vem

 

Paulo Oliveira – Brasil 61 – Brasília – O Conselho Estadual de Educação de São Paulo aprovou o currículo paulista do Ensino Médio. O documento segue para homologação da Secretaria Estadual de Educação. Segundo a pasta, o currículo segue o que está previsto na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) do Ensino Médio, do Ministério da Educação.

São Paulo é o primeiro estado do país a definir normas para o Ensino Médio. A previsão é de que o currículo seja implementado progressivamente aos alunos do primeiro ano em 2021. Em 2022, para os estudantes do segundo ano; e em 2023 para o terceiro ano ensino médio.

O currículo do Ensino Médio paulista está estruturado em 3.150 horas, que serão distribuídas no período de três anos. Segundo a Secretaria de Educação, o processo de construção do currículo foi iniciado no ano passado com a opinião de 140 mil estudantes e 18 mil professores. Vinte e sete redatores escreveram o texto.

Foto: Brasil 61