Com celular dentro de sabão, mãe de detento é flagrada em CDP

Caso ocorreu no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Suzano.  Mulher de 46 anos foi flagrada

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Uma mulher foi flagrada tentando entrar com um celular escondido dentro de uma pedra de sabão no Centro de Detenção Provisória (CDP0 de Suzano, no Parque Maria Helena, no último sábado (28/12) antes da virada do ano.

De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) – responsável pelas unidades prisionais paulistas, a mulher, de 46 anos, é mãe de um detento, e foi flagrada durante a revista que é feita com todas as visitas.

Ainda segundo a SAP, que só comunicou a ocorrência nesta quinta-feira (02/01), por volta das 9h daquele dia a mulher levou à unidade prisional os itens de higiene que pretendia entregar a seu filho. Ao revistarem o material com o aparelho de raio-X (body scanner), os servidores encontraram o celular escondido em uma barra de sabão.

A mãe do interno foi encaminhada para a Delegacia de Polícia, onde foi lavrado o Boletim de Ocorrência, e teve seu nome suspenso do rol de visitas da SAP.

A direção do CDP de Suzano enviou comunicado para a Vara de Execuções Criminais, além de instaurar Procedimento Disciplinar Apuratório. Esse novo problema deve agravar ainda mais a situação penal do detento, que está no CDP aguardando julgamento.

Foto: Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) / Divulgação