Bolsonaro teme transição de poder não pacífica na Venezuela

Agência Brasil – Brasília – O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governo brasileiro acompanha com “muita atenção” os desdobramentos da crise na Venezuela. Ele admitiu que teme um processo de transição não pacífico entre o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, e o interino, Juan Guaidó. Segundo ele, o Brasil “está no limite” do que pode fazer em relação ao país vizinho.

Ler mais

Brasil reconhece Guaidó como presidente interino da Venezuela

Jonas Valente – Agência Brasil – Brasília – O Brasil foi um dos primeiros países na América Latina a reconhecer Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela. Em sua conta no Twitter, o presidente Jair Bolsonaro, que está participando do Fórum Econômico Mundial (Davos, na Suíça), postou mensagem de apoio a Guaidó. Em Davos, Bolsonaro reiterou a colaboração brasileira ao governo recém-declarado.

Ler mais

Em Davos, Jair Bolsonaro destacará abertura econômica e democracia

Agência Brasil – Brasília – O presidente Jair Bolsonaro discursa nesta terça-feira (22/01), pela primeira vez, depois de eleito, no exterior. Ele participa da abertura da 39ª edição do Fórum Econômico Mundial, que reúne a elite política e econômica global, em Davos, na Suíça. No discurso, vai destacar a disposição do Brasil na abertura econômica, no combate à corrupção e no compromisso com a democracia.

Ler mais

Patrimônio dos 26 mais ricos do mundo equivale ao da metade mais pobre

Camila Maciel – Agência Brasil – São Paulo – As 26 pessoas mais ricas do mundo detêm a mesma riqueza dos 3,8 bilhões mais pobres, que correspondem a 50% da humanidade. Os dados, referentes a 2018, fazem parte do relatório global da organização não governamental Oxfam, lançado hoje (21), às vésperas do Fórum Econômico Mundial, que se inicia amanhã (22) em Davos, na Suíça. Os números indicam que a riqueza está ainda mais concentrada, pois, em 2017, os mais ricos somavam 43.

Ler mais

Theresa May descarta hipótese de um segundo referendo sobre o Brexit

Agência Brasil – Brasilia – A primeira-ministra britânica, Theresa May, afastou nesta segunda-feira (21/01), durante discurso à Câmara dos Comuns (Parlamento), a possibilidade de convocar um segundo referendo sobre o Brexit – a saída do Reino Unido da União Europeia. Ela destacou que manterá o acordo de fronteiras entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda, tema que estava sendo colocado em discussão também.

Ler mais