Austelino Pinheiro de Mattos, provedor da S. Casa de Mogi, morre aos 78 anos

 

PAULO QUARESMA – DO CORREIO INDEPENDENTE – Internado desde 30 de agosto, morreu às 11h desta quinta-feira (31/10) na Beneficência Portuguesa, em São Paulo, o provedor da Santa Casa de Mogi das Cruzes, Austelino Pinheiro de Mattos. Ele estava com 78 anos e faria aniversário no dia 22 de dezembro.

Austelino foi internado no Hospital Paulistano, também na Capital, em 30 de agosto e ficou até o dia 1 de outubro, quando foi transferido para a Beneficência Portuguesa. Ele estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) onde se tratava contra um câncer. Ele foi diagnosticado com colangiocarcinoma nas vias biliares.

O velório será no Cemitério das Oliveiras, na Rua Coronel Cardoso Siqueira, e o sepultamento está marcado para as 11 horas desta sexta-feira (01/11).

Austelino deixa a esposa Nair Caitana Ferreira Mattos, os filhos Austelino, Rogério, Fábio e Flávio, quatro noras, e onze netos.

Pelas redes sociais, foram muitos os lamentos pela morte de Austelino. A Santa Casa de Mogi, onde cumpria desde 2017 e em segundo mandato o cargo de provedor, emitiu uma nota?

“É com grande pesar e tristeza que provedoria e direção da Santa casa de Misericórdia de Mogi das Cruzes comunicam o falecimento de seu provedor Austelino Pinheiro de Mattos, hoje, no Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo. O velório acontece hoje (31/10) no Cemitério Parque das Oliveiras e o sepultamento está marcado para amanhã (01/11) ás 11 horas.

O provedor estava internado há aproximadamente 60 dias no Hospital Beneficência Portuguesa, onde se tratava de problemas de saúde. Foi nosso provedor no período de 2017/2018 e estava no seu segundo mandato 2019/2020. Nos deixa um legado de trabalho, ética e dignidade, equilíbrio financeiro e modernização.”